13 de maio de 2009

Uma Abertura, Uma Fechada

­ ­ ­ ­ ­ Abre e fecha - doem-se os ouvidos.
­ ­ ­ ­ ­ Abre e fecha - doem-se os ouvidos,
novamente.

­ ­ ­ ­ ­ Uma abertura,
um barulho toma o espaço.
­ ­ ­ ­ ­ Uma fechada,
um barulho toma o resto do espaço.

­ ­ ­ ­ ­ Esse barulho irritante
é o resultado de anos de parceria.
­ ­ ­ ­ ­ Uma parceria sem melhor ou pior,
apenas igual.
­ ­ ­ ­ ­
Uma parceria de pai e filho, de irmãos.
­ ­ ­ ­ ­ Outra abertura é uma dor no coração.
­ ­ ­ ­ ­ Outra fechada é uma dor nos olhos de quem ouve.
Cada barulho carrega uma imagem.
Caídas e batidas, risos e sorrisos.
­ ­ ­ ­ ­
O barulho sai, se quer saber
­ ­ ­ ­ ­ da tela do meu quebrado laptop.

Um comentário:

Rose disse...

que graça....