2 de agosto de 2010

Quem é Você?

Intensamente focado numa concentração comum a muitos,
ele alcança pontos determinantes em que, ao fechar os olhos,
se sente desaparecido do mundo e do universo,
senão inexistente, num negrume tão forte em ausência de cor
e de vitalidade, que não se reconhece nem um pouco vivo.

O que escreve e o que diz expor são mera insignificância,
tanto para os outros, que hão de se submeter a tal nível
e ter de fingir ouvir ao que ele expressa, quanto para ele próprio,
que ao tentar explorar seus sentimentos e devaneios guardados,
se nota como um completo idiota relevando coisas nulas.

Prefere não se abster da humilhação, porém, e nem dos danos
que lhe são causados ao tentar se passar por opinante de vontades
e desejos profundos que, até o cume de sua ínfima reciprocidade,
ele acreditava ser de preocupação global, mas que hipocritamente
se revela não condizer em um consenso de apreensão.

Ele é apenas um falso opinante sem nenhum seguidor
e que em suas profundas divagações sobre tudo,
acaba por provocar uma sensação raivosa que, mais tarde,
se transforma em um quê de pessoa totalmente soberba
com fome de querer conquistar um reconhecimento inatingível,
o que só piora sua situação de otário em constante retrocesso.

Poderia simplesmente calar-se em prol pacífico e em total
despreocupação, mas a vontade de querer saber se, algum dia,
seu fingimento divulgará resultados, é o que o incita a continuar enganando
àqueles que, também com firmeza, dissimulam seguir suas idéias,
pois, no fundo, a troca de informações não ultrapassa limites verdadeiros.

Modéstia e presunção sem nenhuma objetividade preenchem sua cabeça,
cada vez mais o fazendo se sentir como um ser humano nulo de existência.

50 comentários:

jaka disse...

Tenho plena convicção de que vc sabe pra quem escreveu esse texto. rs

Suzy Carvalho disse...

seus textos/poesias sempre mto bem escritos, parabens =)

Mumu disse...

Belo texto!!
Parabéns!

www.escritasdiretas.blogspot.com

Abraços

Dani disse...

lindo texto!
mtu bom gosto!
parabéns!

Blog Lomadee disse...

Parabéns ótima poesia.

Larissa Cordeiro disse...

Complexo sobre tudo, mas consegue com clareza como é simples a contradição humana.
Reflexivo, és realmente um poeta.

greg disse...

concoro com a larissa... um poeta sabe ser enigmatico, mas ao mesmo tempo passando pra todos a sua mensagem
http://naosentindo.blogspot.com/

Euzer Lopes disse...

O ser é um amontoado de enigmas, perguntas, dúvidas, incertezas, que se desvendam, respondem, explicam e acertam magicamente

Manuelle Araújo disse...

Seus textos são lindos, bem criativo, parabéns viu!!!!!!

^-^¨cat disse...

muitos acreditam q nao se conhecem direito e deve ser verdade, parece realmente dificil entender alguns sentimentos e atitudes nossos

Isac Carvalho disse...

Cara! Já pensou em fazer jornalismo?
Você escreve muito bem.

Estou te seguindo a partir de hoje.

Passa no meu blog, ele não é tão bom quanto o seu, mas chega a ser interessante.

http://isacvcpro.blogspot.com

1 abraço!

Alan Costa disse...

realmente sua forma de escrever é cativante, muito atraente
parabéns mano
continue assim
abraço

ospeixesquevoam disse...

escreve beem, apesar de esse não ser o meu tipo de texto consegue prender minha atenção ao tema...


http://www.the-peixevoador.blogspot.com/

Rafael Peroni disse...

Muito bom, legal e interessante!! Parabéns pelo post..

www.musicalsalad.blogspot.com

Caio Gomes disse...

ótima complexidade sem se perder no assunto, gostei muito da sua forma de falar... da até pra imaginar que fala de alguém que vc conhece bem...

Show aki! abçs!!!

Millena Blogueira disse...

Complexo, enigmático, mas excelente o texto!A descrição de uma pessoa muito realista.
Sucesso!

Felipe disse...

enigmatico, me confunido um pouco mas deve ser visto com outros olhos por você e ou a quem você dirigio esse texto.

"Modéstia e presunção sem nenhuma objetividade preenchem sua cabeça,
cada vez mais o fazendo se sentir como um ser humano nulo de existência."

É realmente um paragrafo bom, acho que todos passamos por essas sensações e, em alguma situação, vamos nos sentir fora do contexto, nulo da existência.

p.s: Eu fiquei tomando realmente muitos caslotes e então descontei em pessoal que não mereciam, como vc, desculpe-me.

wmanchieta disse...

Cara, muito show.
Parabéns pelo texto.

Jeh Pagliai disse...

Nuss, que texto MARAVILHOSO!
Parabens mesmo pelo talento com as palavras..

Beijinhos

---
www.jehjeh.com

BLoG do CHARQuE disse...

estúpido, extremamente estúpido m divulgar mass esse texto

do caralho!!!!


O melhor blog do meu .... Bairro agora está com novo layout
http://blogdocharque.blogspot.com/

Marcela Barreto disse...

Olá,

Gostei da propriedade ao qual argumenta e desenvolve cada linha e entrelinha de seu texto.

Quem é você, me faz viajar numa analogia de teorias, tais como uma possível guerra mundial, onde todos acabaríamos em caminho da regressão,uma era de homens da caverna...

Ou ainda, algo tão complexo neste status quo como o que é felicidade?!

Usamos uma máscara sorridente, um difarçe para nos proteger desse abismo. Mas, o abismo é também nossa salvação. Penso que, a aceitação do incompleto é um chamado à vida...

Parabéns!

Se quiser e puder:

http://memoriaspsicodelicas.blogspot.com

Fabiane Aline disse...

Eu acredito que eu me conheço bastante, mas vamos deixar margens para o desconhecido, né? Hahahaha. Beijinhos.

J. Ar-Feinel disse...

Talvez essa seja uma sensação intrínseca de personalidades que me parecem escancaradas nas frases. Quem será este? ;)

Retribuição prazerosa de teu comentário.

=)

Macaco Pipi disse...

escreve fumado
isso é bom!

Aline R. disse...

Nossa, lindo o teu blog! Muito sofisticado!
Sua forma de escrever é muito particular! gostei! estou seguindo vs!http://aliner1.blogspot.com/
segue?

jaka disse...

escreve fumado?
isso é bom?

ϟ мαrcos volk ! disse...

Muito bom o texto e a forma como você escreve.
(:

neetho b. disse...

Olha.. preciso dizer que é ótimo. E, outra, seu blog está muito bom em quesito layout e organização. Adorei!

te espero no meu *-----*
http://retrojovem.blogspot.com/

Fernanda disse...

texto show....vc escreve muito bem, hein?
Beijos
http://missaosparadrapo.blogspot.com/

circulo de fogo disse...

vlw cara! parabéns vc escreve muito!!!

espero q vc retribua a visita...
tbm escrevemos bem rererere...
www.circulodf.blogspot.com

Thamyzinha Iwasaki disse...

ée o que acontece com parte das pessoas no mundo, pelo menos é o que acontece comigo!..

Vaunei Guimarães disse...

muito bom....gostei bastante!

http://vauneiguimaraes.blogspot.com/

Neuro-Musical disse...

Nossa, bem interessante o texto, muito legal mesmo. Curti a maneira como você descreveu o perfil psicológico. Mandou bem, fato.


http://cerebro-musical.blogspot.com

Rogerio disse...

quem é você , quem sou eu...quem somos nós...somos aqueles que sempre andamos em circulos...esperando seguir em frente...

= TaMy . PuCca = disse...

gostei bastante ^^
parabéns aí !!

Rogerio disse...

ja comentei aki...mas não deixei de reler..texto interessante sempre e bom ler...

Tiago disse...

Gostei muito do seu texto, joão.
Acesse o meu blog novo sobre cinema: http://take0ne.blogspot.com/

Comente! E preciso do seu e-mail, que eu perdi ele D:

Jeh Pagliai disse...

Gostei do texto...

"Modéstia e presunção sem nenhuma objetividade preenchem sua cabeça,
cada vez mais o fazendo se sentir como um ser humano nulo de existência."

Minha parte favorita! Rs

Beijinhos

---
www.jehjeh.com

augusto disse...

Kra...

Pelo nome do blog e o texto, me lembra a musica areia da ampulheta de Raul Seixas...


Ele diz, eu, eu sou VC

Mr. Andrógyni-# disse...

Essa é uma pergunta, que muitos fazem, mas mesmo assim, não sabem responder !!!

http://dupladameianoite.blogspot.com/

Flor Tulipa disse...

Como é difícil dizer quem somos!
Belo texto e bem escrito prende o leitor!
mas uma vez parabéns :D
http://tamytulipa.blogspot.com/

Karla Hack disse...

Um texto bem intimista..
Parece uma luta pessoal... gostei muito!
;D

Guilherme D. Dutra disse...

Parabéns pelo blog. Muito bom.
Excelente post tbm

Guilherme Lombardi disse...

excelente poesia, muito bem escrita e reflexiva

seuvicio disse...

Diz o coiso q pá e tal, e é feio falar sempre de si.

Mister Neurotic disse...

Você resumiu toda a Blogosfera. São tantas pessoas querendo mostrar alguma coisa diferente que no final todos mostram coisas iguais. Já pensei coisas como, "Por que escrever?" Mas se tem uma coisa que eu tenho certeza é que nasci para escrever, pessoas lendo e me seguindo ou não!

Naby Lima disse...

Quano li o titulo me lembrei do tirica mais nada haver hauahuahauh


Você escreve bem parabéns....

abras

Melhor Free disse...

Texto bacana e o blog ta legal com uma cor boa com a do texto!

Caetano Lorenzetti disse...

Ba, ficou bom demais. Hipnotizante!

Ótimo vocabulário.

Também fiz um texto literário, sobre futebol é claro. Confere lá: http://analisefc.blogspot.com/2010/08/sou-eu-o-campeao.html

egofashionista disse...

Parabens pelo blog.sucesso.